• Ian Paranhos

Produtores de Game of Thrones falam sobre a ausência de Lady Stoneheart na série


Game of Thrones teve diversas mudanças durante a adaptação do conteúdo original dos livros, tomando diversos caminhos diferentes. Qual foi o pensamento que levou a essas mudanças e como elas mudaram o destino da série?


Imagem da Catelyn Stark, personagem da série Game of Thrones

Uma das maiores mudanças que os produtores David Benioff e Dan Weiss tiveram que fazer na saga foi cortar alguns dos personagens inventados por Martin. Além de Aegon Targaryen (filho de Rhaegar e Elia), a outra personagem importante era Lady Stoneheart, a ressuscitada Catelyn Stark.


James Hibberd, jornalista americano, analisa em seu livro Fire Cannot Kill a Dragon, as escolhas para a retirada de Lady Stoneheart da série da HBO usando como embasamento conhecimentos de Dungeons and Dragons.


Imagem do livro Fire Cannot Kill a Dragon

Nunca houve muito debate para incluir Lady Stoneheart” - disse Benioff. Tinha apenas aquela cena, aquele foi o único debate”, Weiss revelou.


A cena em que ela aparece pela primeira vez é um dos momentos mais sagrados dos livros. Acho que essa é a cena que o público esperava. Mas então…"






Os produtores explicaram então que uma das muitas razões para a ausência de Lady Stoneheart era que a história já tinha outra ressurreição chegando, a de Jon Snow, e eles queriam manter a surpresa pra ele. Eles sentiram que o público precisava acreditar que a maioria dos personagens permaneceriam mortos.


Conteúdo recomendado:


Além disso, os produtores acreditam que o Casamento Vermelho foi executado com tanta perfeição que não queriam diminuir o impacto daquela cena.


Nos livros de Martin, o corpo de Catelyn Stark é encontrado pelo lobo gigante Nymeria alguns dias após os eventos do Casamento Vermelho. Beric Dondarrion então a ressuscita, mesmo contra o Sacerdote Vermelho Thoros de Myr, que o desaconselhado a fazê-lo. As preocupações de Thoros revelaram-se corretas, pois a forma ressuscitada de Catelyn se transformou em um monstro vazio de toda a humanidade.


Para comprar o livro Fire Cannot Kill a Dragon, clique aqui e compre através de nossos links, assim você nos apoia a continuar produzindo Jornalismo Cultural de credibilidade!



Se você gostou do nosso conteúdo, te convido a ler nossos outros textos ou ouvir o nosso podcast. Nesta semana comentamos sobre os indicados ao Emmy 2020.


"E se você também não sabe de nada, recomendo que siga o Otageek no Twitter, Facebook e Instagram!"


Continue lendo:



otageek amazon prime .jpg