• Vitor Guimarães

DC FanDome | Raio Negro: esperanças para a 4ª temporada


Hoje é a segunda parte do DC Fandome, o grande evento online para fãs que celebra o mundo dos quadrinhos, filmes e televisão da DC.



A lenda do cinema negro Robert Townsend (que dirigiu dois episódios de Raio Negro ) falou com os atores James Remar, Jordan Calloway, Marvin Krondon Jones III, Chrstine Adams, China Anne McClain, Nafessa Williams e Cress Williams sobre o show e o que eles esperam ver na próxima temporada.

Cress Williams, o próprio Raio Negro, quer ver o retorno de Jefferson Pierce no ambiente escolar e como mentor de crianças, citando o aspecto educacional como uma das coisas das quais ele mais se orgulha no programa. Ele também adoraria se encontrar com os outros heróis agora que eles compartilham uma Terra, o que, tenho certeza, é corroborado por muitos fãs.


Nafessa Williams, interpretando Anissa, também conhecida como Tormenta ou Pássaro Negro, só quer que Raio Negro continue na moda.


Definitivamente, quero ver um pouco do que está acontecendo em nosso mundo e um pouco do que está acontecendo hoje e ver aonde esse amor, o de Anissa e Grace, pode ir”.

Já Christine Adams, que interpreta Lynn, diz:


Eu adoraria não estar bêbada, ou drogada, ou com minha mão no banheiro, ou dando um tapa em meu marido, ou brigando com meu marido, ou rastejando no chão ...

Na última temporada , Lynn tornou-se dependente da Luz Verde e esse vício se tornou o ponto de ancoragem de sua personagem. Embora isso fornecesse amplas oportunidades para Adams mostrar seu alcance, não permitia performances alegres ou lúdicas.


Enquanto isso Jordan Calloway, que interpreta Khalil e seu alter-ego selvagem Painkiller, quer explorar a jornada mental de Khalil.


A mudança e o crescimento que eu adoraria ver para Khalil é mais a recuperação psicológica.

Khalil é baleado e paralisado, então tem sua mobilidade restaurada por Tobias em troca de se tornar seu executor. Mas quando ele rejeita e tenta derrotar Tobias, acaba sendo morto violentamente no processo. Então, o ASA o revive, bloqueia todas as suas memórias e o transforma em Painkiller, uma arma viva que eles controlam totalmente.


Agora como Painkiller, Khalil é responsável por inúmeras mortes, incluindo a de sua própria mãe, então ele tem que conviver com todas as coisas feitas por seu alter-ego. Não é preciso dizer que Khalil precisa se curar. A exploração desse trauma e a jornada de cura seria um ótimo lugar para levar o personagem na próxima temporada.

Já o ator James Remar, um tanto de forma surpreendente, só quer ver alguma normalidade doméstica para Gambi.


Eu gostaria de ver Gambi ter uma namorada ou talvez Gambi tenha um filho com quem se reencontrou, que não vê há 25 anos ou algo assim.

O relacionamento de Gambi com os Jeffersons nos mostra que ele é capaz de ter um afeto genuíno e talvez esteja pronto para encontrar o amor e construir uma família. Pelo contrário, de forma previsível, Remar gostaria de ver uma revelação de que Gambi tem meta-habilidades. Algo assim pode realmente abalar o seriado.



Marvin Krondon Jones III, que interpreta o vilão Tobias Whale, por sua vez, gostaria de inverter o roteiro.


Eu gostaria de colocá-lo de volta na política, de fora do submundo, de volta à corrente principal da sociedade. Eu gostaria por um tempo de fazer o bem em Freeland.

E ainda destaca que gostaria de ver isso mesmo que seja para egoísmo e, em última instância, para o mal. Além disso ele, como Remar, quer ver Tobias potencialmente encontrar o amor, ou pelo menos explorar o potencial.


Quero que Tobias fique com tudo, para quando Khalil vier tirar ...” Jordan brinca.

Todos nós podemos adivinhar aonde esse pensamento leva e eu, por exemplo, estou aqui para isso.


Ainda não sabemos o que está reservado para a quarta temporada de Raio Negro, mas se o elenco tiver algo a dizer, podemos esperar um romance e um retorno à versão de Freeland do normal.


Fonte: Den of Geek



O DC FanDome está ocorrendo no Sábado, 12 de Setembro, e o Otageek está realizando uma cobertura completa. Então siga-nos no Twitter,no Facebook e no Instagram.

O Otageek é um portal de jornalismo cultural independente que produz conteúdo sobre cultura pop com uma abordagem mais próxima do Jornalismo e distante dos clickbaits e fake news.

© 2020 - Otageek BR . All Rights Reserved.